ANTECIPAÇÃO DA RESTITUIÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA

publicidade

Veja algumas dicas para quem está pensando em pedir ao banco a antecipação da restituição do imposto de renda para pagamento de dívidas como aquela dívida que você tem com o cartão de crédito ou cheque especial. O mais importante antes de pedir uma antecipação é que você observe que o banco não vai antecipar de graça. Na verdade o que você vai fazer um empréstimo. Você vai pegar dinheiro emprestado do banco e este terá como garantia recebimento da dívida a sua restituição do imposto de renda. Não deixa de ser fazer uma dívida para pagar a outra. É claro que a taxa de juros cobrada pelos cartões de crédito e cheque especial são muito elevados e pode valer a pena.

É importante que você negocie com o banco uma taxa de juros pequena entre 3% a 5%. Muito acima disto você estará perdendo muito dinheiro. Compare a taxa de juros e veja qual é maior e menor.

Você também pode pedir antecipação das suas férias para cobrir dívidas. O importante é não ficar endividado pagando taxa de juros. Recomendo que veja a ferramenta online de  simulação de negociação de dívida

Veja uma série de dicas importantes para quem pensa em antecipar férias e antecipar a restituição do imposto de renda.

CADASTRO CPF NA RECEITA FEDERAL: COMO FAZER INSCRIÇÃO

publicidade

Você vai aprender como cadastrar um CPF na Receita Federal ou como se inscrever para tirar seu CPF. A primeira dúvida que as pessoas mais jovens possuem é com qual idade se pode tirar o CPF.

A inscrição é obrigatória para alguns contribuintes, mas qualquer pessoa pode solicitar a inscrição no CPF. Não existe idade mínima para a inscrição do CPF. Um recém-nascidos, por exemplo, podem ser inscrito. Qualquer criança menor de idade também pode se inscrever e ter um CPF.

Para algumas pessoas ter um CPF é obrigatório. Veja se você está na lista de pessoas que são obrigadas a ter um CPF clicando aqui. Qualquer brasileiro ou até mesmo estrangeiro pode ter um CPF morando no Brasil ou até no exterior. Cada pessoa só pode cadastrar um CPF uma vez. O número do seu CPF vai te acompanhar por toda vida.  Se este número for esquecido, tente localizar o número em algum outro documento, cheque, contrato, etc. O comprovante de inscrição no CPF pode ser impresso na página da Receita Federal na internet, com utilização do Código de Atendimento ou do código de acesso, ou ainda obtido nas Unidades de Atendimento da Receita Federal

Para se inscrever e ter um CPF cadastrado visite a página: Inscrição de residentes no Brasil ou no exterior

Existem três formas de comprovar o seu CPF quando alguém solicitar um comrpovante.

  1. apresentação do cartão CPF (você não é obrigado a ter um);
  2. apresentação do “Comprovante de Inscrição no CPF” impresso a partir do site da Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB) na Internet, ou emitido pela entidade conveniada, no ato da inscrição, desde que acompanhado de documento de identificação do inscrito. Veja como conseguir clicando aqui
  3. apresentação de um dos seguintes documentos com menção do número do CPF: Carteira de Identidade, Carteira Nacional de Habilitação, Registro Civil de Nascimento, Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), cartão de crédito, cartão magnético de movimentação de conta-corrente bancária, talonário de cheque ou qualquer documento de acesso a serviços de saúde pública, de assistência social ou previdenciários.

 

CONSULTAR CPF NA RECEITA FEDERAL

Você vai aprender agora como fazer consulta de CPF no site da Receita Federal com objetivo de saber se o CPF que você deseja consultar é verdadeiro, é um CPF válido e qual o nome do dono do CPF. Também é possível verificar no site da receita se o CPF está regular ou não. Muitas empresas verificam o CPF de clientes para ver se estão regulares e isto é importante.

O endereço oficial para consulta de CPF na Receita é
http://www.receita.fazenda.gov.br/aplicacoes/atcta/cpf/consultapublica.asp

No primeiro campo você deve digitar o CPF a ser consultado. A dica é não colocar pontos. Só digite os números do CPF e nada mais. Depois você deve preencher o campo “digite os caracteres ao lado”. Você deve olhar uma imagem que aparece onde costumam existir números e letras distorcidos.

Você deve ler estes caracteres e digitar o que está vendo no campo correspondente. Se você está com dificuldade de ler procure um botão azul que tem o simbolo de uma caixa de som que fica bem ao lado do campo que deve ser preenchido com os caracteres. Ao clicar nesta caixa de som você vai ouvir quais são os números e letras. Assim fica bem mais fácil consultar o CPF já que nem sempre as imagens distorcidas são legíveis. Depois basta clicar no botão consultar.

Sempre que alguém lhe fornecer um CPF durante a realização de um negócio é muito importante se o CPF informado realmente corresponde ao nome completo que a pessoa te forneceu. Por exemplo, se você vai comprar um imóvel ou vai vender um imóvel, ou qualquer operação de compra e venda e a pessoa te fornece o CPF dela. Com esta consulta de CPF da Receita Federal podemos ter certeza se o número está correto e se realmente corresponde ao dono do CPF.

Também é uma boa opção para consultar seu próprio CPF para ver se existe alguma pendência junto a receita.

 

NOVO IMPOSTO DE RENDA 2012

Veja como começar a se preparar para a declaração do Imposto de Renda 2012. Aproveitando que ainda falta bastante tempo para o próximo IRPF você pode começar a se organizar para pagar menos imposto, para ter uma restituição maior e para ter toda a documentação organizada na hora da declaração.

No vídeo abaixo você verá uma entrevista com especialista que apresenta dicas para a declaração do 2012. Vamos que tipo de documentos você já deve começar a organizar em uma pasta. Veja o que deve fazer aquele que tem mais de uma fonte de renda como é o caso do aluguel. E para concluir algumas dicas com relação a previdência privada para quem deseja investir e ter benefícios pagando menos Imposto de Renda.

COMO DECLARAR COMPRA DE CARRO OU VENDA DE CARRO

Hoje vamos saber como funciona a situação da declaração de compra ou venda de carro. No vídeo abaixo você verá como funciona a situação em que você recebe um carro como pagamento. Isto é comum quando vendemos uma casa e o comprador oferece um carro como parte do pagamento. Também ocorre quando você tem um carro e o comprador da o carro dele como parte do pagamento. Veja no vídeo abaixo como fica a declaração do seu imposto de renda nestas situações.

COMO COLOCAR NETOS COMO DEPENDENTE

Hoje vamos saber como funciona o caso de uma vó ou vô que atualmente ajudam no sustento dos netos. Hoje em dia existem avós que pagam despesas de netos como a escola, plano de saúde, etc. Esta situação é enfrentada por muitos brasileiros. O problema é que para colocar seus netos como dependentes é necessário ter a guarda dos netos.

QUEM MORA NO EXTERIOR DEVE DECLARAR IRPF

Brasileiros que moram no exterior e que tem investimentos no Brasil podem precisar fazer a declaração do imposto de renda pessoa física. Veja como funciona a declaração de saída definitiva do país. Caso você não tenha feito é necessário que você declare. Veja o vídeo mais para informações no caso de brasileiros que moram em outros países.

DIFERENÇAS DA DECLARAÇÃO SIMPLIFICADA OU COMPLETA

Você vai aprender agora quais são as diferenças entre a declaração do imposto de renda quando feita pelo modelo simples ou pelo modelo completo. Muita gente comete o erro de acreditar que na declaração simples não é necessário declarar os bens quando na verdade isto deve ser feito nas duas declarações. Para saber o que muda na declaração simplificada ou completa veja o vídeo.

DEDUZIR GASTOS COM A SAÚDE DOS PAIS

Se durante o ano passado você teve gastos com a saúde dos seus pais como consultas médicas, cirurgias, internações ou pagamento de plano de saúde você pode deduzir isto no seu imposto de renda e para isto basta saber fazer o procedimento correto. Veja como conseguir restituição quando você coloca os seus pais como seus dependentes.

SÓCIO DE EMPRESA INATIVA DEVE DECLARAR?

Você vai saber se quem é sócio de uma empresa inativa deve ou não fazer a declaração de imposto de renda pessoa física. Muita gente tem esta dúvida porque no passado era necessário mas atualmente não é mais. Na verdade, só o fato de ter sociedade em empresa, seja ativa ou inativa não significa que você é obrigado a declarar. O que você deve verificar é as outras regras que tornam obrigatória a declaração.